O blogue das birrinhas da Ritinha. Umas melhores, outras piores. Como tudo na vida.

.birrinhas recentes

. ...

. O humanista que não o é t...

. ...

. ...

. Absolute beginner

. Sopas decide morrer

. Do jornalismo de Merda

. ...

. ...

. Carta aberta a um dux

. ...

. ...

. ...

. Vou ali dar um swap....

. ...

. ...

. ...

. Quando o nosso maior inim...

. De bestas a bestiais ou d...

. ....e porque ontem foi di...

. ...

. ...

. ...

. ...

. Desabafos de fim de tarde

Youniverse Personality TestYouniverse Personality Test

.favorito

. Ontem foi dia de sentir, ...

.Junho 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30


.Fazer olhinhos


adopt your own virtual pet!

adopt your own virtual pet!
blogs SAPO

.subscrever feeds

Domingo, 28 de Setembro de 2008

...

sinto-me:

publicado por lindjona às 00:34

link do post | comentar | favorito
|

Quinta-feira, 25 de Setembro de 2008

...

quem tem a culpa de Portugal?

Algo me escapa na completa compreensão de Portugal.

Em teoria, Portugal seria responsabilidade dos portugueses, mas já tenho falado com alguns portugueses – aqui e ali, comigo próprio – e não parece ser assim.

O português, se já viajou pelo menos uma vez ou duas, dirá que se vive muito melhor em Madrid. Que Barcelona é que é uma cidade. Que foi a Paris e ficou parvo. Que Londres é que é cosmopolita e isto é o campo. Que os alemães é que trabalham. Que a América é que é livre. Que, no Luxemburgo, é que lhe dão o valor. Que a Irlanda é que topou a Europa. Que em Cuba é que há bons médicos. Em Itália é que há turismo. A Grécia, aquilo é que são ilhas. O Brasil, aquilo é que é viver. Na Bélgica, aquilo é que é limpeza. A Suíça é que é civismo. A Suécia, a Noruega e a Dinamarca – Deus meu! – é o Olimpo: trabalha-se pouco, mas bem, há instrução a rodos e, do neto ao avô, toda a gente presta serviço à comunidade. A Islândia é que faz música. Em África é que era. Na China é que eles sabem como é que é. A Holanda é que é liberal. A Argentina é que é bonita. A Venezuela não se deixa enganar. O Canadá não se mete em chatices. A Austrália é que deu certo. No Japão é que se pensa.

E concluem fatalmente: não é como aqui.

Se o português nunca viajou, pior. Porque tem um primo na Áustria, um cunhado na África do Sul e uma irmã na República Checa que se fartam de viajar porque, na Áustria, na África do Sul e na República Checa é que é.

 

Ora, de tudo isto infere-se o seguinte: Portugal é uma coisa e os portugueses outra. Portugal é algo que se cria e deglute a si mesmo. Só pode ser. É habitado por uma gente luminosa e esclarecida, mas, mesmo assim, não dá luz. Não aproveita. Que ingratidão.

Os portugueses – eu, você, o Vale e Azevedo e os outros dez milhões – estamos conscientes de tudo o que funciona, como funciona e sentimo-nos sofregamente identificados e compreendidos de cada vez que voamos alguns quilómetros para lá de Vilar Formoso. Mas que fazemos exactamente com essa informação? Nada, claro. Tentamos desesperadamente, mas Portugal não nos dá ouvidos. O que é esquisito, dado que, ao que parece, todos os portugueses pensam precisamente o mesmo que nós.

É como a alegoria da caverna de Platão. Nós saímos da caverna, vimos todos a verdade lá fora, mas não somos capazes de iluminar o nosso mundo de sombras quando regressamos.

 

Que estranho. Gente tão especial e esperta como nós.

 

retirado do blogue Sinusite Crónica

sinto-me:

publicado por lindjona às 21:58

link do post | comentar | favorito
|

Domingo, 21 de Setembro de 2008

Outra vez???????????????????????????????????

Política
Manuela abre portas de Lisboa a Santana
Se Pedro Santana Lopes confirmar a sua disponibilidade para voltar a concorrer à Câmara de Lisboa, em 2009, contará com total apoio da direcção do PSD liderada por Manuela Ferreira Leite

 

Sol, 20/09/2008

 

sinto-me:

publicado por lindjona às 00:43

link do post | comentar | favorito
|

Sábado, 20 de Setembro de 2008

Twin Peaks

sinto-me: como há quase vinte anos atrás

publicado por lindjona às 00:29

link do post | comentar | favorito
|

Quinta-feira, 11 de Setembro de 2008

Quando a realidade imita a ficção

Quem leu Anjos e Demónios de Dan Brown sabe o que quero dizer

http://tsf.sapo.pt/PaginaInicial/Vida/Interior.aspx?content_id=1011228

sinto-me: bem

publicado por lindjona às 23:28

link do post | comentar | favorito
|

Sexta-feira, 5 de Setembro de 2008

FÉRIAS XXV

Último dia de praia no Sul....

sinto-me: bem

publicado por lindjona às 23:03

link do post | comentar | favorito
|

FÉRIAS XXIV

Insólito... 

 

judge1
João Marcelino, no editorial de ontem do DN fala-nos da estranheza que resulta dos juízes estarem a actuar de uma forma tal que até parece sugerir que pretendem que se lhes retire capacidade de decisão. Insólito...

DN: «(...) Os juízes estão contra as leis penais que foram alteradas pelos políticos na Assembleia da República. A questão não é a própria lei, mas a sua interpretação. Consideram que o novo código do processo penal é garantista no que diz respeito à prisão preventiva - porque a torna regra apenas em crimes sujeitos a mais do que cinco anos de prisão. E, mesmo que na lei esteja escrito que o juiz tem a liberdade de a decretar para crimes com penas até cinco anos, sempre que haja crime violento, organizado, terrorismo ou que seja posta em causa a vida e a integridade física de pessoas ou ainda que haja envolvimento de armas (ainda que não mostradas ou usadas), os juízes não consideram que isto esteja suficientemente explícito na lei para que eles possam aplicá-lo.

Dir-se-ia que os juízes queriam ser "obrigados" a aplicar a prisão preventiva. Mas é difícil de compreender que um juiz, que tem por função julgar, decidir, queira que lhe retirem parte dessa capacidade de decisão. (...)»

  

retirado do blogue A Lei do Funil

sinto-me:

publicado por lindjona às 22:42

link do post | comentar | favorito
|

FÉRIAS XXIII

 

Excelente artigo de Fernanda Câncio no DN de hoje.

 

[...] O primeiro diz respeito ao facto de estudos internacionais demonstrarem que os países do mundo onde existe um mais elevado sentimento de insegurança são aqueles em que o risco de ser vítima de um crime é mais baixo. E estudos britânicos demonstram que os consumidores de tablóides têm um maior sentimento de insegurança. O que nos traz ao segundo paradoxo, o mais óbvio: o do papel do jornalismo. São contabilizados anualmente, em Portugal, mais de duas dezenas de milhar de crimes rotulados como “violentos” (de homicídios a agressões, passando por violações, violência doméstica e roubos, com ou sem ameaça de arma). São mais de 50 crimes violentos por dia. Por que motivo de repente há notícias diárias sobre alguns desses crimes? É porque estes se tornaram mais frequentes ou porque uma opção editorial entendeu relevá-los? Onde está a consubstanciação da existência de um aumento, e um aumento em relação a quê? Fazer estas perguntas não é negar a realidade; é, ao contrário, querer conhecê-la para melhor lidar com ela. E é esse o terceiro paradoxo: quem surja publicamente a dizer o que acabei de escrever, ou a apresentar dados que contextualizam a realidade criminal portuguesa actual não só na realidade criminal portuguesa dos últimos anos como na realidade criminal dos países que nos estão próximos é invariavelmente acusado de tentar “desvalorizar” ou mesmo “branquear” a tal onda de criminalidade.

Uma espécie de pescadinha de rabo na boca, pois. [...]

Aqui fica para leitura integral: O PODER DE DEFORMAR

 

 

sinto-me:

publicado por lindjona às 22:00

link do post | comentar | favorito
|

FÉRIAS XXII

 

Uma pérola, como são quase todos os textos do blogue Sem Pénis, nem Inveja. E também as imagens:

http://sempenisneminveja.weblog.com.pt/arquivo/2008/09/a_vida_e_passei.html

sinto-me:

publicado por lindjona às 21:29

link do post | comentar | favorito
|

Quinta-feira, 4 de Setembro de 2008

FÉRIAS XXI

 

Experiência 
Um dos "problemas" de Barack Obama é a falta de experiência em relações internacionais, ao contrário de J. W. Bush que já possuía uma longa relação com o escocês Johny Walker.
 
 
retirado do blogue Arcebispo de Cantuária
 

 

 

sinto-me: perdida de riso

publicado por lindjona às 19:37

link do post | comentar | favorito
|

Terça-feira, 2 de Setembro de 2008

FÉRIAS XX

Música de Verão

sinto-me: bem

publicado por lindjona às 20:06

link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre a ritinha

.birrinhas antigas

. Junho 2017

. Maio 2017

. Dezembro 2016

. Janeiro 2016

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Fevereiro 2015

. Outubro 2014

. Janeiro 2014

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Maio 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Outubro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Fevereiro 2006

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Dezembro 2004

. Outubro 2004

.pesquisar

 

.tags

. todas as tags

.links

Put a Pin on the Map View my Guestmap
Free Guestmaps by Bravenet.com